Condomínio Chulipa



Escrito por orlandeli às 08h54
[ ] [ envie esta mensagem ]



Fredy Bourbon



Escrito por orlandeli às 18h09
[ ] [ envie esta mensagem ]



Quem te viu...

"QUEM TE VIU, QUEM TE VÊ "

por Orlandeli

- Ridículo! Simplesmente, ridículo! Até agora não sei como você me convenceu a vir aqui! Ridículo....
- Pois deixe de bobagem. Tá super na moda. Além do que, são seios alemães, ouviu bem... A-le-mães!
- Pode me chamar de nostálgico, mas gosto da coisa “in natura”. Sem essa de encher aqui... Esticar ali....
- Ah, Arnaldo. Mi polpi, tá? Moço, não liga pra ele não. Eu vou levar esse par aqui, ó. Os alemães. São alemães, mesmo, né?
- Claro, minha senhora. Alemães legítimos. Top de linha.
- Ai, não vejo a hora de sair por aí, de peito novo....
- E o senhor, não vai levar nada?
- Húm? - Arnaldo estava distraído, olhando a seção de nádegas.
- O senhor! Tem certeza que não quer levar nada? Olha que a dona Sueli tá de peito novo, heim... Vai fazer o maior sucesso.
Sueli deu uma risadinha. Toda orgulhosa.
- Ôôô, meu rapaz. Fique sabendo que não tenho o menor interesse em mudar o que Deus me deu. Ouviu, bem?!
- Imagina, meu senhor. Nem é essa a nossa intenção. Digamos que é só uma... “reciclada”. Algo pra você sentir-se bem consigo mesmo.
- Mas eu já estou bem comigo mesmo.
- Sim, claro... não foi isso que eu quis dizer. Mas, por exemplo. Olha esse abdômen. Modelo tanquinho. Tá super em conta. Tenho certeza que o senhor iria gostar.
- Ai, Arnaldo. Bem que você podia trocar essa barrigão, mesmo, né? Olha! Que indecência!...
Arnaldo olhou para a própria barriga e realmente, nos últimos anos andou exagerando nas guloseimas e na cerveja com os amigos. Talvez fosse a hora de dar uma “reciclada”, como bem disse o vendedor.
- Sei não... Por acaso vocês trabalham a base de troca?
- Deixa de ser ridículo, Arnaldo. Quem iria querer uma panção desses?!...
- Não, não. - Interrompeu, o vendedor - A senhora se engana. Esse modelo faz muito sucesso no carnaval. Nos concursos pra Rei Momo... Podemos fazer isso sim. Evidente que o senhor teria que voltar uma pequena diferença...
- Húúúm. Tá legal. Negócio fechado.
Foram embora os dois. Ela com um par de seios alemães e ele com um abdômen tanquinho, felizes da vida.
A receptividade foi muito boa. As amigas morriam de inveja dos seios de Dona Sueli e os companheiros de boteco de Arnaldo já pensavam em fazer economia para investir num abdômen daqueles. Tudo ia as mil maravilhas, até que, certo dia, Arnaldo entrou pela porta, radiante:
- Tchâraaaammmm!
- Céus, Arnaldo. Que qui é isso??!!!
- Cabeleira Chanel Plus. Fui na loja e toda a linha “Metrosexual” tava em promoção. Não resisti. E aí, gostou?
- É...sim..., ficou bom! Mas...Loiro?? Por que Loiro??!!!!
- Oras, já que é pra mudar, então não tem que ficar regulando. - E balançou a cabeça, jogando os cabelos para frente e para trás. Tipo comercial de shampoo.
Sueli sentiu-se traída. Oras...Não era ele o tal amante do “in natura”?
No dia seguinte foi na loja e comprou um bumbum de dar inveja a qualquer mulata de escola de samba. Um arraso.
Arnaldo não deixou por menos, pegou suas economias e adquiriu um peitoral que, meu amigo, faria qualquer halterofilista dobrar a série de treino.
E assim, foi. Cada vez que um chegava com uma novidade, o outro fazia questão de dar o troco. Trocaram coxas, panturrilha, boca, costas, braço... Quando não tinham mais nada pra trocar, foram mudando as cores. Bronzeamento artificial, spraizinho “dourado Ipanema”, cabelo “loiro surfista”...
Não demorou muito e a coisa chegou num estágio insuportável.
O primeiro a pedir arrego foi Arnaldo. Não agüentava mais aquela maratona. A ficha caiu quando, ao ver o álbum de família, demorou uns dez minutos para conseguir se identificar na foto.
- Errr... Sueli. Tava pensando... Acho que tá na hora de pararmos com esse negócio de “reciclar” o corpo. Isso não tá fazendo bem pra gente... Por incrível que pareça, sinto saudades até do barrigão... Entende o que tô falando, Sueli?
-...
- Sueli!!??? Tô falando com você!
- “Sueli”, vírgula. Pode me chame de Tsuwana Lepair. Tá super na moda. É indiano com francês, ouviu bem. Fran-cês!!



Escrito por orlandeli às 09h30
[ ] [ envie esta mensagem ]



Condomínio Chulipa



Escrito por orlandeli às 10h21
[ ] [ envie esta mensagem ]



Droga do amor

Para o Diário. A matéria explica, biologicamente falando, o que acontece com o corpo de quem está apaixonado. São reações químicas, hormônios... entre outras coisas,  responsáveis por sensações como desejo, libido, carinho, saudade... etc



Escrito por orlandeli às 08h31
[ ] [ envie esta mensagem ]



Conquistador



Escrito por orlandeli às 08h23
[ ] [ envie esta mensagem ]





Também para o Diário. Fala sobre a influência do estado de espírito, e da fé em Deus, diante das doenças. A coisa é até interessante. Segundo a matéria se você pega uma gripe, mas está de bem com a vida, você simplesmente toma uma aspirina e vai trabalhar. Mas se você está triste, morreu alguém querido, fragilizado espiritualmente ... e pega a mesma gripe, aí ela te coloca de cama.

A matéria não fala exatamente sobre "intervenção divina", mas na forma como a pessoa encara e aceita esses problemas. Digamos que a pessoa que tem fé, consegue "aceitar" melhor algumas coisas.



Escrito por orlandeli às 08h23
[ ] [ envie esta mensagem ]



Borboleta

Matéria sobre "orelhas de abano". A idéia para essa ilustra resgatei dos meus tempos de infância. E cê sabe, moleque não perdoa... A frase clássica para essa situação era "Se demorasse mais cinco minutos, nascia uma borboleta". Maldade...



Escrito por orlandeli às 07h57
[ ] [ envie esta mensagem ]



Superman

Essa saiu no Diário da Região. A matéria era sobre profissionais bem preparados, comunicativos, eficiêntes, versáteis... Nada mais justo do que colocar o famoso "S" no peito do cidadão.



Escrito por orlandeli às 07h47
[ ] [ envie esta mensagem ]



Plantão Noticiário informa...



Escrito por orlandeli às 10h37
[ ] [ envie esta mensagem ]



Plantão Noticiário



Escrito por orlandeli às 10h50
[ ] [ envie esta mensagem ]



Condomínio Chulipa

Toda terça uma nova HQ do Chulipa.



Escrito por orlandeli às 10h49
[ ] [ envie esta mensagem ]



Fredy Bourbon

Mais uma coluna do Fredy Bourbon. Junto, segue alguns flashs exclusivos do Chief.



Escrito por orlandeli às 13h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



Grump



Escrito por orlandeli às 08h32
[ ] [ envie esta mensagem ]



Pombos Urbanos

Ilustra para o texto de Alexandre Inagaki, publicado na segunda edição da revista virtual Cortante.



Escrito por orlandeli às 07h34
[ ] [ envie esta mensagem ]



Apaixonado

Para a revista Vida e Arte.



Escrito por orlandeli às 07h28
[ ] [ envie esta mensagem ]



Meu Anjo

 

 

 

"...Casal é assim mesmo,

quanto maior a intimidade menor a chance da pessoa te chamar pelo nome,

é tudo apelido: Principesa, Ursinho, MôLindo,

Borbs, Bombom, e por aí vai....

não sei bem porque comecei a chamá-la de "meu anjo"...."

 

Continua! Para ler o texto completo, CLIQUE AQUI!



Escrito por orlandeli às 07h19
[ ] [ envie esta mensagem ]



Condomínio Chulipa

Toda terça, uma nova HQ do Chulipa



Escrito por orlandeli às 12h02
[ ] [ envie esta mensagem ]



Fredy Bourbon



Escrito por orlandeli às 08h46
[ ] [ envie esta mensagem ]



Prêmio Abril de jornalismo

Boas novas. A ilustra abaixo está concorrendo ao Prêmio Abril de Jornalismo desse ano, na categoria infografia. O info em questão explica a seguinte pergunta " Por que é difícl fazer xixi quando o pênis está duro?" e foi publicado na revista Mundo Estranho - ed 43.

Segue a lista dos selecionados na disputa.

A divina catedral de Colônia - Mundo Estranho - Ed.: 35
Autores: Alexandre Jubran, Daniele Doneda e Rodrigo Ratier 
 
A mina de carvão - Aventuras na História - Ed.: 19
Autores: Ana Luisa Basso, Débora Bianchi, Leandro Narloch, Luiz Iria e Renato Guedes 
 
Como foi o massacre do Carandiru? - Superinteressante - Ed.: 216
Autores: Adriano Sambugaro, Bárbara Soalheiro, Eber Evangelista, Henrique Camargo e Luiz Iria 
 
Como se forma o cocô? - Mundo Estranho - Ed.: 45
Autores: Carlo Giovani, Renata Steffen e Rodrigo Ratier 
 
Inferno na Terra - Superinteressante - Ed.: 220
Autores: Adriano Sambugaro, Arthur Felipe Artero, Eber Evangelista, Luiz Iria e Rafael Kenski 
 
Por que é difícl fazer xixi quando o pênis está duro? - Mundo Estranho - Ed.: 43
Autores: Artur Louback Lopes, Daniele Doneda e Orlandeli

 Para ver a ilustra em tamanho maior, clique aqui




Escrito por orlandeli às 07h45
[ ] [ envie esta mensagem ]



Crimes pela internet

Para o Diário da Região. Sobre crimes que ocorrem na rede. Na ocasião a PF conseguiu prender alguns dos meliantes.

 



Escrito por orlandeli às 08h09
[ ] [ envie esta mensagem ]



Condomínio Chulipa

Toda terça, uma nova HQ do Chulipa



Escrito por orlandeli às 08h01
[ ] [ envie esta mensagem ]



[ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico
Ver mensagens anteriores



Contato orlandeli@orlandeli.com.br Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Orlandeli - Blog Antigo
 Orlandeli - site
 Alessandro Del´arco
 Alan Sieber
 Antonio Eder
 Alex Ponciano
 BrazilCartoon
 Blog dos Quadrinhos
 Baptistão
 Central de Tiras
 Carola Medina
 Custódio
 Diário da Região
 Danilo
 Erratico - Douglas Reis
 Erico San Juan
 Flávio
 Gonçalves
 Grampá
 Gilmar
 Galvão
 Junião
 J. Bosco
 José Aguiar
 Jean
 Laerte
 Leandro Robles
 Lezio Junior
 Lelis
 Mangabeira
 Mário Bortolotto
 Milton Rodrigues
 Montalvo
 Pires
 Pato de Laranja
 Rafael Sica
 Rafa Coutinho
 Raul Marques
 Ruy Jobin Neto
 Rubinho
 Rico
 Samuel Casal
 Stocker
 Sib
 William Medeiros
 Weberson
 Zé Marcos